Municípios perdem dinheiro ao recusar previdência própria; Maia diz que o problema são as fraudes

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Polícia | Data: 22 jan 2010

Tags:, , ,

do A Tarde

Prefeito Roberto Maia (PMDB), presidente da UPB, diz que servidores temem fraudes

Apesar de terem a segunda maior dívida com o Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS), R$ 3,8 bilhões, atrás somente dos municípios de São Paulo (R$ 5,5 bi), as prefeituras baianas resistem em migrar para o regime previdenciário próprio – um sistema que já está reduzindo em até 50%, em todo o País, a despesa de quase dois mil municípios nas contribuições previdenciárias.

A crítica é do presidente da Confederação Nacional dos Municípios (CNM), Paulo Ziulkoski, que tem oferecido, via CNM, consultoria gratuita para os gestores municipais que desejam fazer a migração deixando para trás o teto caro e esburacado do INSS: são 22% da folha de servidores pagos obrigatoriamente todos os meses pelos prefeitos para um sistema que acumula um déficit de mais de R$ 40 bilhões.

…Leia na íntegra