Técnicos do Lacem estão sendo capacitados em Salvador para realização dos exames do Covid-19 em Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Geral, Saúde, Vit. da Conquista | Data: 24 abr 2020

Tags:, , ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é Resenha_Vermelho_600x65.gif

Secom/PMVC (Conteúdo)

O Laboratório Central Municipal de Vitória da Conquista (Lacem), administrado pela Fundação Pública de Saúde, vai realizar o exame PCR-RT para detecção do vírus causador da Covid-19. Três farmacêuticos bioquímicos estão em Salvador, desde a última terça-feira (21), onde estão sendo qualificados pelos técnicos do Laboratório Central de Saúde Pública da Bahia (Lacen).

“Somos habilitados pelo Ministério da Saúde para realização de exames de biologia molecular. Assim que fomos informados pelo ministério que iríamos realizar também o teste para Covid-19, entramos em contato com o Lacen do Estado para conhecer as exigências. Por se tratar de uma amostra diferente da que estávamos trabalhando, consideramos mais prudente encaminhar uma equipe para qualificação”, explica Renata Tentis, coordenadora do Laboratório Central.

O diretor-presidente da Fundação de Saúde, Diogo de Azevedo, afirmou que a realização dos exames no Laboratório Central Municipal vai auxiliar o governo municipal na política de combate à Covid-19 e aumentar a segurança quanto ao número de pessoas infectadas. “A Prefeitura tem atuado firmemente nesta questão e a Fundação vem se unir neste momento em que precisamos atuar solidariamente para voltarmos à normalidade”, afirmou.

Funcionando em área anexa ao Hospital Esaú Matos, o Lacem atende 31 municípios, auxiliando o Estado no controle de doenças de agravo de saúde pública. Com uma equipe de 69 colaboradores, entre técnicos, auxiliares de serviços gerais, assistentes administrativos, bioquímicos e biomédicos, o Lacem realiza cerca de 90 mil exames/mês. São mais de 130 tipos de exames básicos a complexos, nas áreas de hematologia, bioquímica, imunologia, hormônios, marcadores tumoriais, parasitologia, urinálise e biologia molecular.

Atendendo às determinações de regulação e funcionamento do Ministério da Saúde, com uma área de mais ou menos 1.200 m2, dividida em recepção/coleta e área técnica, o Lacem dispõe de equipamentos automatizados para realização de exames. Seus técnicos em laboratórios possuem curso técnico em análises clínicas.