Falta vacinas contra Hepátite B e Tétano nos postos de saúde de Conquista

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 19 fev 2016

Tags:, , ,

por Mateus Novais

A ausência de vacinas contra a Hepátite B e Tétano nos postos de saúde de Vitória da Conquista tem atrapalhado a vida de muita gente. A reportagem da TV Aratu conversou com um paciente com insuficiência renal e uma estudante, que precisam das vacinas para continuar o tratamento e realizar a matrícula na faculdade, respectivamente, e não sabem o que fazer. Para ter uma ideia, a vacina contra a Hepatite na rede privada custa mais de R$ 500. Sem condições de pagar este valor, os pacientes estão tendo que esperar.

Confira a matéria de Daniel Silva e Rony Cley:

Ministério da Saúde altera calendário de vacinação

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 06 jan 2016

Tags:, , ,

Da Redação
foto: Arquivo BRG

VAcinaNessa terça 95), o Ministério da Saúde anunciou mudanças no Calendário Nacional de Vacinação que alteram o esquema vacinal contra HPV, pólio, meningite e pneumonia. Segundo a Vigilância em Saúde tratam-se de mudanças rotineiras motivadas pela alteração da situação epidemiológica e por atualização na indicação das vacinas.

A vacina de HPV antes era aplicada em três doses: 2 doses para meninas de 9 a 13 anos com intervalo de 6 meses; 3ª dose 5 anos depois. Agora, são apenas duas doses com intervalo de 6 meses para meninas de 9 a 13 anos. Segundo o Ministério da Saúde, estudos mostraram que o esquema de duas doses tem resposta de anticorpos similar ao esquema de três doses.

No caso da poliomielite, antes, a imunização era aplicada em três doses: injeção aos 2 e 4 meses e gotinha aos 6 meses. 2 doses de reforço aos 15 meses e aos 4 anos (ambas de gotinha). A partir de 2016, a terceira dose da vacina passa a ser injetável, em vez de oral. A versão oral da vacina continua sendo indicada para os reforços aos 15 meses e 4 anos. …Leia na íntegra

Primeira vacina contra dengue no país é aprovada pela Anvisa

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 28 dez 2015

Tags:, ,

por Mateus Novais

dengue

Nesta segunda-feira (28), a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou o registro da primeira vacina contra a dengue no Brasil: a Dengvaxia, do laboratório francês Sanofi Pasteur. Ainda assim, o medicamento deve demorar alguns meses para começar a ser comercializado.

A Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos ainda deverá definir o valor de cada dose, processo que dura em média três meses, mas não tem prazo máximo. Definido o preço, a Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias no SUS vai avaliar se vale a pena incorporar o produto ao sistema público de imunizações. O governo vai avaliar custo, efetividade e impactos epidemiológico e orçamentário da incoporação da vacina ao Sistema Único de Saúde. Enquanto isso, o medicamento será disponibilizado para a rede particular de laboratórios.

Imunização

A vacina é indicada para pessoas entre 9 e 45 anos e protege contra os quatro tipos do vírus da dengue. A promessa do fabricante é de proteção de 93% contra casos graves da doença, redução de 80% das internações e eficácia global de 66% contra todos os tipos do vírus. O medicamento deve começar a ser vendido no país no primeiro semestre de 2016 e a capacidade de produção do laboratório é de 100 milhões de doses por ano.

O imunizante deve ser aplicado em três doses, com intervalos de seis meses, porém, de acordo com o laboratório, a partir da primeira dose o produto protege quase 70% das pessoas.

O Brasil é o terceiro país a ter o registro do imunizante, os outros foram México e Filipinas. O desenvolvimento clínico do produto envolveu mais de 20 estudos, e mais de 40 mil participantes, entre crianças, adolescentes e adultos, em 15 países.

Vacina brasileira contra a Dengue começa a ser testada

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 12 dez 2015

Tags:, , ,

nov_25_pel_banner_site_resenha_feirao_aquitemnegocio_582x65px_jean

Da Redação

mosquito
A vacina contra a dengue do Instituto Butantã teve a última fase para testes em humanos liberada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). A instituição espera selecionar 17 mil voluntário em 13 cidades de 12 estados brasileiros para participarem da pesquisa. Os testes serão feitos em 14 centros de estudo credenciados pelo Butantan.

Esta é a última fase de estudos antes que a vacina possa ser submetida à avaliação da Anvisa para registro. Dois terços dos voluntários receberão a vacina e um terço receberá placebo. O objetivo é verificar, depois de um período, se o grupo que foi vacinado teve uma redução considerável de casos de dengue em comparação ao grupo de controle.

 

A depender dos resultado, há a expectativa de que a vacina esteja disponível até 2017 na rede pública. A dose será única e capaz de proteger contra os quatro tipos de dengue.

 

 

Segunda dose da vacina contra o HPV está disponível para meninas em todo país

0

Publicado por Roberto Silva | Colocado em Brasil, Saúde | Data: 27 set 2015

Tags:,

Agência Brasil

vacina-hpvMeninas de 9 a 11 anos que tomaram a primeira dose da vacina contra o Papiloma Vírus Humano (HPV) devem retornar aos postos de saúde ou salas de vacinação para tomar a segunda dose. O HPV é um dos causadores do câncer de colo de útero. A imunização está disponível em todos os postos de atendimento do Sistema Único de Saúde (SUS) e, além disso, o Ministério da Saúde recomenda aos estados e municípios que façam parcerias com escolas públicas e privadas para realizar campanhas de vacinação no ambiente escolar.

O Secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Antônio Nardi, falou em entrevista, sobre a importância de dar continuidade ao tratamento – com as segunda e terceira doses – e da parceria com as escolas, que concentra o público-alvo. “A nossa mobilização é para fugir do setor saúde e deixarmos o envolvimento com o setor educação. Não se trata de uma campanha, agora se trata de uma rotina. Independente daquelas que tomaram a primeira dose, todas devem vir tomar a vacina”, disse o secretário.

…Leia na íntegra

Campanha contra a paralisia infantil terá mais um “Dia D” neste sábado (29)

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 28 ago 2015

Tags:, , , ,

por Mateus Novais

vacina_polio_2

Mais da metade das crianças de Vitória da Conquista e da Bahia, com idades entre seis meses e cinco anos, ainda não tomou a vacina contra a paralisia infantil, segundo informações das secretarias de Saúde do Município e do Estado da Bahia (Sesab). Por conta disso, a campanha contra a poliomielite terá mais um “Dia D” neste sábado (29).

Segundo Ramon Saveedra, coordenador de imunização da Sesab, a vacina é importante para manter o país livre da paralisia infantil. “É um 26º ano sem a doença, contudo existe o risco de reintrodução por ela existir pontualmente em alguns outros países. A importância desta ação é evitar a reintrodução da doença”, afirma.

A poliomielite é uma doença que paralisa os membros inferiores e também pode atingir os músculos respiratórios, o que aumenta o risco de morte. Mesmo sendo grave, em todo o estado, cerca de 500 mil crianças ainda não foram vacinadas. Em Conquista, 11.052 crianças foram vacinadas contra a doença até o dia 24 de agosto. O número representa 48% do público-alvo. A meta é vacinar 95% do total de 22.735 crianças.

48% das crianças conquistenses já se vacinaram contra a paralisia infantil

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 26 ago 2015

Tags:, , ,

por Mateus Novais

Vacinação contra a pólio

Até o dia 24 de agosto, foram vacinadas 11.052 crianças contra a paralisia infantil em Vitória da Conquista. O número representa 48% do público-alvo – crianças maiores de seis meses e menores de cinco anos. A meta é vacinar 95% do total de 22.735 crianças.

A campanha nacional de vacinação acontece, até o dia 31 de agosto. Os pais e responsáveis que ainda não levaram seus filhos para receberem a vacina, devem procurar a unidade de saúde mais próxima de sua residência, das 8h às 12h e das 14h às 17h, com o cartão de vacinação em mãos.

Além de proteger a criança contra a paralisia infantil, os profissionais das unidades de saúde estão realizando a atualização de vacinas pendentes nas cadernetas de vacinação.

Testes da vacina contra a dengue avançam

0

Publicado por Roberto Silva | Colocado em Saúde | Data: 02 ago 2015

Tags:,

Agência Radio 2

{73378F0C-AEFD-4EC1-81A1-B111F2AE9B7C}_dengue_internaA segunda fase de testes da vacina contra a dengue entrou na reta final. Nessa etapa, a proposta é demonstrar se ela é segura e se o sistema imunológico dos voluntários desenvolve os anticorpos necessários para combater a doença.

A vacina é desenvolvida pelo Instituto Butantã, do Governo de SP, em parceria com a Fapesp e pesquisadores dos Estados Unidos. Os resultados preliminares mostram que ela tem, sim, um perfil de segurança semelhante a outros tipos de vacina.

O que é fundamental para iniciar a fase 3, que depende, ainda, de aprovação da Anvisa e dos comitês de ética.

A liberação do órgão federal, aliás, deve ser rápida. Isso porque o governo paulista já enviou o protocolo de estudo clínico, que só sairia no fim desde ano ou no começo de 2016. A futura vacina contra a dengue deve proteger contra os quatro tipos de vírus.

Vacina BCG está escassa em Vitória da Conquista

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 13 maio 2015

Tags:, , , ,


por Mateus Novais*

Vacina-BCGfoto: ilustrativa

A vacina BCG, aquela primeira que o recém-nascido recebe e deixa a marquinha no braço direito, deve ser feita ainda na maternidade, nas primeiras 12 horas do nascimento. A vacina protege o bebê contra diversas doenças, incluindo a tuberculose. Mas, acontece que a BCG está em falta em Vitória da Conquista.

A dificuldade de encontrar a vacina nos postos de saúde do SUS já ultrapassa um mês. Em nota, a Prefeitura diz que a falta da BCG não é uma exclusividade de Vitória da Conquista, que o problema vem acontecendo em todo o país por uma dificuldade na produção do laboratório credenciado ao SUS.

Com a falta no SUS, cresceu a procura em clínicas particulares, onde o valor da dose gira em torno de R$70. “Há uma procura enorme nas clínicas particulares e a vacina já está escassa no mercado”, explica a enfermeira Michelle Lacerda, proprietária de uma dessas clínicas. Esta escassez tem preocupado os pediatras, que garantem que o recém-nascido não pode ficar sem receber a BCG. “Se por alguma razão ela não for feita na maternidade, ela tem que ser aplicada o mais precocemente possível”, explica a Drª Carla Torres.

A Secretaria de Saúde do Estado confirmou o problema na produção da vacina e que por isso o repasse nos postos de saúde está sendo feito em menor quantidade. Mas o governo disse também que nessa terça-feira (12), um caminhão com a vacina foi enviado para Conquista no intuito de regularizar o estoque na cidade.

*Informações G1 Bahia

Novo ciclo de vacinação contra o HPV já começou nos postos de saúde

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 16 mar 2015

Tags:, , , ,

por Mateus Novais

hpv1-1A vacina de prevenção ao câncer do colo do útero está sendo disponibilizada pelo Sistema Único de Saúde (SUS) em todas as 41 salas de vacina do de Vitória da Conquista. A proteção é destinada para meninas entre 9 e 11 anos de idade. A vacina que previne contra o Papiloma Vírus Humano (HPV).

Para receber a dose, basta apresentar o cartão de vacinação e o documento de identificação. Cada adolescente deverá tomar três doses para completar a proteção. Em Vitória da Conquista, além dos postos de saúde, há também uma equipe volante de vacina para a zona rural.

A segunda dose deve ser tomada seis meses depois e a terceira, cinco anos após a primeira dose. Para as adolescentes que iniciaram o esquema de vacina no ano passado, a segunda e terceira dose estão garantidas.

Apenas 37% das meninas tomaram a segunda dose contra HPV na Bahia

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 19 jan 2015

Tags:, , , ,

por Mateus Novais

hpv1-1Somente 37% das meninas de 11 a 13 anos, da Bahia, tomaram a segunda dose da vacina contra o vírus do HPV – principal causador do câncer do colo do útero. O índice representa mais de 140 mil jovens do estado, número bem abaixo da meta proposta pelo ministério da Saúde.

A meta do ministério da Saúde é de vacinar pelo menos 80 por cento das meninas de 11 a 13 anos, do Brasil. Os pais do estado baiano, que ainda não levaram as filhas para receber a segunda dose da vacina contra o vírus HPV, devem procurar rapidamente por um posto de saúde. Isso porque, apenas as meninas que tomam as três doses da vacina ficam 100 por cento protegidas contra o câncer do colo do útero.

A doença mata 14 mulheres por dia no Brasil e duzentas e 70 mil no mundo, segundo dados da Organização Mundial da Saúde. Neste ano, o Instituto Nacional do Câncer, estima o surgimento de 15 mil novos casos no Brasil – 1120 apenas no estado baiano. A vacina é totalmente de graça.

Nova vacina contra a dengue reduz em 95% os casos graves

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 04 nov 2014

Tags:,

A Tarde

dengue123-1024x750A nova vacina contra a dengue, que já passou por todas as fases de estudos e testes, mostrou redução de 95,5% das formas graves da doença, inclusive a do tipo hemorrágica, na etapa de testes no Brasil e na América Latina. Até a primeira semana de outubro pelo menos 377 pessoas morreram em decorrência da dengue no país.

A vacina, desenvolvida pelo Laboratório Sanofi Pasteur, é a primeira contra a dengue concluída no mundo. O produto demonstrou proteção de 60,8% contra os quatro tipos da doença. Ou seja: a cada 100 pessoas imunizadas, 60,8 não contraem a doença; e entre as que contraem, 95,5 em cada grupo de 100 não terão as formas graves da dengue. …Leia na íntegra

Vacina contra a hepatite A entre no calendário nacional

0

Publicado por Roberto Silva | Colocado em Saúde | Data: 29 jul 2014

Tags:,

A Tarde

downloadO Sistema Único de Saúde (SUS) vai ofertar a vacina contra hepatite A. A incorporação do imunizante ao calendário nacional, anunciada nesta terça-feira, 29, pelo ministro da Saúde, Arthur Chioro, ocorre dois anos depois da recomendação da Conitec, comissão criada pelo governo para nortear a incorporação de novas tecnologias. A vacina será recomendada em uma dose, para crianças maiores de um ano e menores de dois anos.

“Há estudos que mostram que apenas uma aplicação é suficiente para desenvolver imunidade para a vida”, afirmou o secretário de Vigilância em Saúde, Jarbas Barbosa.

A vacina começa a ser ofertada neste mês, mas de forma escalonada. Doze Estados começam em julho, outros 12 em agosto e o restante – entre eles, São Paulo – começa em setembro. A partir de então, todos os postos de saúde de todo o Brasil vão ofertar a vacina de forma rotineira. Com a incorporação, o Brasil passa a ofertar todas as vacinas recomendadas pela Organização da Mundial da Saúde.

…Leia na íntegra

Campanha de vacinação é adiada por atraso em entrega de vacinas

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 22 abr 2014

Tags:, ,

por Mateus Novais

A campanha nacional de vacinação contra gripe que começaria nesta terça-feira (22), em Vitória da Conquista, foi adiada para a quarta ou quinta. Segundo a Secretaria de Saúde Municipal Prefeitura Municipal, as vacinas ficaram retidas em Salvador e não puderam ser distribuídas para o interior do Estado a tempo por conta da greve dos policiais militares.

A previsão é de que as vacinas cheguem na tarde de hoje. O público-alvo da campanha são idosos, pessoas com doenças crônicas, gestantes, profissionais de saúde e crianças de seis meses a menores de cinco anos.

Campanha Nacional de Vacinação Contra a Gripe começa na terça (22)

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 19 abr 2014

Tags:, ,

por Mateus Novais

vacinação-HPV-300x183A partir da próxima terça-feira (22) começa a Campanha Nacional de Vacinação Contra a Gripe. A intenção é atingir principalmente os idosos, pessoas com doenças crônicas, gestantes, profissionais de saúde e crianças de seis meses a cinco anos contra três tipos de vírus da gripe: dois vírus tipo A e um tipo B.

Em Vitória da Conquista, o público-alvo da campanha contará com 40 salas de vacina, distribuídas nas unidades de saúde das zonas rural e urbana, e uma equipe de vacinação volante na zona rural. A campanha de vacinação contra a gripe será promovida até o dia 9 de maio.

Campanha nacional de vacinação começa na próxima semana

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 15 abr 2014

Tags:, ,

por Mateus Novais

VACINAÇÃO-GRIPEA partir do dia 22 de abril, o Ministério da Saúde realizará a campanha de vacinação contra a gripe. Em Vitória da Conquista, o público-alvo da campanha contará com 40 salas de vacina, distribuídas nas unidades de saúde das zonas rural e urbana, e uma equipe de vacinação volante na zona rural.

A campanha deste ano tem como tema ‘Vacinação contra a gripe: você não pode faltar’. A intenção é atingir principalmente os idosos, pessoas com doenças crônicas, gestantes, profissionais de saúde e crianças de seis meses a cinco anos contra três tipos de vírus da gripe: dois vírus tipo A e um tipo B..

O dia D da campanha acontecerá em 26 de abril, sábado, onde serão disponibilizados pontos de vacinação em diferentes locais da cidade. A campanha de vacinação contra a gripe será promovida até o dia 9 de maio.

Vitória da Conquista atinge a meta de vacinação contra HPV

0

Publicado por Resenha Geral | Colocado em Bahia, Brasil, Saúde, Vit. da Conquista | Data: 14 abr 2014

Tags:,

Da Redação

Pouco mais de 85% das 8.288 meninas, com idade entre 11 e 13 anos, foram vacinadas em trinta dias. 

vacina-hpvFoi encerrada na última quinta-feira (10) a primeira etapa de vacinação contra o Papiloma Vírus Humano (HPV). Vitória da Conquista ultrapassou a meta estabelecida pelo Ministério da Saúde. Pouco mais de 85% das 8.288 meninas, com idade entre 11 e 13 anos, foram vacinadas em trinta dias, por meio de uma mobilização das 40 equipes municipais de Saúde em escolas e unidades de saúde.

A meta do Ministério da Saúde era vacinar 80% desse público. Desde sexta-feira (11) a vacina contra o HPV está sendo ofertada às adolescentes entre 11 e 13 anos, nas unidades de saúde, enquanto houver estoque disponível. Esta é a primeira das três doses que compõem o esquema de vacinação contra o Papilomavírus. A segunda dose deverá ser aplicada em seis meses e a terceira, de reforço, cinco anos após a primeira dose.

Em 2015, o público-alvo serão as meninas de 9 a 11 anos e, a partir de 2016, a ação ficará restrita às de 9 anos. Com informações Secom/PMVC.

Vacina contra HPV já está disponível nas Unidades de Saúde de Vitória da Conquista

0

Publicado por Mateus Novais | Colocado em Saúde | Data: 11 mar 2014

Tags:, ,

por Mateus Novais

A vacina contra o papiloma vírus humano (HPV) começou a ser oferecida em todas as unidades de saúde de Vitória da Conquista na vacinação HPVúltima segunda-feira (10).  Meninas de 11 a 13 anos têm até o dia 10 de abril para garantir a primeira dose da vacina.

Em Vitória da Conquista, segundo levantamento da Vigilância Epidemiológica, existem 8.288 adolescente entre o público-alvo da campanha. A meta para o município é a imunização de 80% deste público.

Segundo a Secretaria de Saúde, todas as unidades de saúde do município estão ofertando a vacina de segunda a sexta, das 8h às 17h.

O HPV é responsável pelo câncer do colo do útero. Mas é importante destacar que a vacina não substitui a realização do exame preventivo, o papanicolau ou o uso de preservativos.