Caixa e Whatsapp fecham parceria para envio de mensagens sobre auxílio

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 16 jul 2021

Tags:,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner-e2-engenharia.gif

Nos próximos dias, os beneficiários do auxílio emergencial passarão a receber de graça as informações sobre datas de depósito, de pagamento e de saque no celular. A Caixa Econômica Federal e o WhatsApp fecharam parceria, inédita no mundo, para o envio de mensagens sobre o benefício.

Uma conta oficial e verificada da Caixa passará a enviar as informações sobre o auxílio emergencial. Segundo o presidente do banco, Pedro Guimarães, cerca de 500 milhões de mensagens gratuitas deverão ser enviadas durante o pagamento das parcelas restantes do benefício.

Receberão os avisos os clientes do auxílio emergencial com celular cadastrado no aplicativo Caixa Tem. O usuário poderá habilitar ou desabilitar o recebimento dos avisos. Serão enviadas mensagens sobre o calendário de crédito na conta poupança digital, o calendário de pagamento ou de saque em dinheiro e demais informações e comunicados.

Segundo Guimarães, o uso do WhatsApp para enviar avisos é importante para garantir o acesso à informação a beneficiários muitas vezes sem acesso à internet. Essas pessoas, destacou o presidente da Caixa, não têm condições de entrar no sitepara tirarem dúvidas e fazerem consultas.

…Leia na íntegra

WhatsApp não imporá restrições a quem não aceitar regras de dados

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 07 jun 2021

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_blog_728x90px_SEVILHA_PEL-1.gif

A.Brasil

O WhatsApp não imporá mais restrições aos usuários que não aderirem às novas regras de coleta e tratamento de dados que estão em processo de adoção no Brasil e no restante do mundo. As novas práticas da plataforma são questionadas por órgãos como a Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANPD), o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) e o Ministério Público Federal (MPF).

A nova política foi anunciada no início do ano. Ela envolve o repasse ao Facebook, empresa controladora do WhatsApp, de dados das interações com contas comerciais. A nova política entrou em vigor no dia 15 de maio. Inicialmente, o WhatsApp divulgou restrições e limitações a quem não aceitasse a nova política.

Entre as restrições estavam a impossibilidade de acessar a lista de conversas e a suspensão do envio de mensagens e chamadas para o celular algumas semanas depois, caso o usuário não aceitasse a nova política.

Os órgãos ANPD, Cade e MPF apontaram problemas tanto para a proteção de dados dos usuários quanto para a concorrência do mercado de redes sociais e serviços de mensageria. Pesquisadores e entidades de direitos digitais também se manifestaram questionando a nova política.

Diante dos questionamentos, o WhtsApp se comprometeu a adiar a entrada em vigor das limitações por 90 dias. Agora, abandonou este prazo de três meses e abriu mão de impor tais obrigações.

WhatsApp começa a liberar opção para acelerar mensagens de áudio

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 21 maio 2021

Tags:

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_blog_728x90px_SEVILHA_PEL-1.gif

Fon

O WhatsApp começou a liberar o recurso que permite acelerar áudios enviados nas conversas. O aplicativo estava testando o recurso na versão beta e agora confirmou que ele já está sendo disponibilizado para usuários de iPhone e da versão web.

Com a nova opção, é possível ouvir áudios nas velocidades 1,5x ou 2x. Para acelerar as gravações basta tocar sobre o indicador que será exibido junto à mensagem. O recurso é planejado ao menos desde março. Ele começou a ser liberado aos usuários da versão beta para Android em abril. Agora, porém, o sistema operacional do Google levará mais algumas semanas para liberar a opção na versão estável.

A solução anunciada pelo WhatsApp pode ajudar usuários por longas mensagens de áudio com mais facilidade. A atualização também faz o mensageiro se aproximar de seu principal concorrente.

Banco Central libera transferências bancárias pelo WhatsApp

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Geral | Data: 31 mar 2021

Tags:,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é 22-12-02-image-2.png

Horas depois de o presidente do Banco Central (BC), Roberto Campos Neto, anunciar que o órgão liberaria transações pelo WhatsApp, o BC autorizou oficialmente as transferências bancárias pelo aplicativo. A decisão foi anunciada na noite desta terça-feira (30) pela autoridade monetária.

A empresa Facebook Pagamentos do Brasil, dona do WhatsApp, foi aprovada como “iniciador de transações”. As operadoras Visa e Mastercard receberam autorizações de dois arranjos de pagamentos: transferência/depósito e operações pré-pagas, em que o cliente abastece uma carteira virtual com dinheiro para gastar mais tarde.

As operações só poderão ser feitas dentro do Brasil. Transações com o exterior estão vetadas. Os pagamentos de compras por meio da plataforma Facebook Pay, que haviam sido pedidos pelas operadoras, continuam sob análise e não foram incluídos na autorização.

Em nota, o Banco Central informou que as autorizações “poderão abrir novas perspectivas de redução de custos para os usuários de serviços de pagamentos”. As transferências e as contas pré-pagas estarão disponíveis assim que o WhatsApp liberar a modalidade. Caberá ao próprio aplicativo definir as tarifas de transação.

Whatsapp bane contas depois de denúncias do TSE

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 21 nov 2020

Tags:,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é 22-12-02-image-2.png

Fonte: Brasil 61

Mais de mil contas foram banidas do Whatsapp por conta de disparos de mensagens em massa no aplicativo. As denuncias foram realizadas por meio de uma plataforma conjunta entre o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e o WhatsApp. A extinção dessas contas foi feita depois do primeiro turno das eleições municipais de 2020, e anunciado na última quinta-feira (19) pelo TSE e o Whatsapp.

A plataforma de denúncias é uma das iniciativas da parceria estabelecida entre o órgão do governo e a empresa para combater as informações viralizadas e notícias falsas nas Eleições 2020, no contexto do Programa de Enfrentamento à Desinformação da corte eleitoral.

No período entre 27 de setembro e 15 de novembro, primeiro turno das eleições, esse canal recebeu 4.759 denúncias, porém 129 foram desconsideradas por não estarem relacionadas às eleições. Ao todo, 4.630 casos foram enviados ao WhatsApp para verificação de possível violação dos Termos de Serviço.

Mulheres já podem denunciar violência doméstica pelo WhatsApp

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Geral | Data: 20 out 2020

Tags:, ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_oeste_park_setembro-1.gif

G1

O projeto piloto de um software que utiliza inteligência artificial (IA) para responder instantaneamente mulheres vítimas de violência doméstica e familiar, foi lançado nesta segunda-feira (19). O projeto, batizado de “Zap Respeita as Mina”, pode ser acessado pelo WhatsApp.

A iniciativa, pioneira na área de enfrentamento à violência doméstica, atende mulheres por mensagens de texto. Ao acessar o “Zap Respeita as Mina”, através do telefone (71) 9909-9322, as usuárias poderão pedir ajuda, em caso de emergência, enviando uma mensagem para uma das atendentes virtuais.

Após o contado, a IA é capaz de gerar respostas iniciais para a vítimas, além de permitir o acesso por mensagem a atendentes em contato direto com o serviço 190 da Polícia Civil, para os casos de emergência.

Todo o diálogo é apenas por mensagem de texto, uma opção para mulheres que não podem realizar uma ligação telefônica por estar no mesmo ambiente que o agressor. Ao se certificarem da gravidade da situação, as atendentes virtuais podem acionar a polícia automaticamente.

Ao iniciar uma conversar com a IA, uma usuária pode obter orientações e informações acerca dos órgãos que compõem a rede de atenção à mulher e as atribuições de cada um deles. Além disso, a vítima recebe informações de como fazer uma denúncia, obter uma medida protetiva de urgência, o que fazer em caso de violência sexual, entre outras informações.

O chat com as atendentes virtuais também pode ser acessado através do site da Secretaria de Políticas para as Mulheres da Bahia (SPM-BA): www.mulheres.ba.gov.br

TSE faz parceira com WhatsApp e Facebook para combater desinformação em eleições

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral, Política | Data: 01 out 2020

Tags:, , ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é DIS_728x90px-SEMANA-NACIONAL-DE-TRA%CC%82NSITO-1.gif

Reuters

Uma parceria entre o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) , WhatsApp e o Facebook foi firmada nesta quarta-feira, para combater desinformação e abusos durante as eleições 2020, informou a assessoria de imprensa do órgão.

O presidente do TSE, Luís Roberto Barroso, disse que a parceria ajudará a eliminar a circulação de notícias falsas, enfrentar comportamentos coordenados não autênticos, uso indevido de robôs e impulsionamentos ilegais. No acordo com o WhatsApp, por exemplo, será criado um chatbox para ajudar na circulação de dados oficiais do TSE sobre o processo eleitoral e a votação.

Um ponto do acordo é a criação de um canal de comunicação específico com o TSE para denunciar contas suspeitas de realizar disparos em massa, o que não é permitido nos termos de serviço do aplicativo nem pela legislação eleitoral.

O acordo com o Facebook também prevê o uso da ferramenta “Megafone” para divulgação, nos dias antes da eleição, de mensagens no feed de notícias sobre eleições de 2020, incluindo sobre a organização e medidas de segurança sanitária.

Banco do Brasil renegocia mais de R$ 7 milhões em dívidas por Whatsapp

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Geral | Data: 25 ago 2020

Tags:, , ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é Tivic_BLOG-DA-RESENHA-GERAL_600x65.png

Agência Brasil

Em quase um mês de funcionamento, a renegociação de dívidas de clientes do Banco do Brasil (BB) por meio do whatsapp refinanciou R$ 7 milhões. Desde a estreia da ferramenta, no início de agosto, cerca de 800 acordos com pessoas físicas foram firmados exclusivamente com o uso do sistema de inteligência artificial. O banco espera encerrar o ano com R$ 100 milhões em débitos renegociados pela plataforma.

O assistente virtual está disponível na API do Whatsapp Business, versão do aplicativo destinada a contas comerciais. A ferramenta facilita a comunicação de empresas de médio e grande porte com os seus clientes por meio do whatsApp e permite a renegociação de dívidas de até R$ 1 milhão, usando um fluxo simples e intuitivo fornecido pelo assistente virtual.

Caso o cliente se enquadre no público-alvo, o sistema oferecerá três opções para solução do débito. A ferramenta permite ainda cancelar acordo realizado, emitir segunda via de boleto de renegociação e liquidar acordos de forma antecipada.

Para usar a funcionalidade, o cliente deve acessar o whatsApp do BB, pelo número (61) 4004-0001. Ele pode iniciar uma conversa com o assistente virtual ou enviar o texto #renegocie, escrito com hashtag. O assistente virtual identifica as ofertas de renegociação disponíveis e oferece as opções ao cliente. O boleto é enviado pelo próprio whatsapp.

Em qualquer momento, o cliente pode pedir para conversar com um atendente, mas o processo pode ser concluído apenas com o uso da inteligência artificial. Para fazer uso da ferramenta, o dispositivo móvel do cliente deve estar liberado para transações pelo whatsApp.

Segundo o Banco do Brasil, o atendimento e a realização de transações pelo whatsapp aumentaram durante a pandemia do novo coronavírus, que ocasionou restrições de mobilidade e redução do horário de funcionamento das agências. Nos últimos quatro meses, a instituição atendeu a quase 5 milhões de pessoas pelo aplicativo, movimentação recorde na plataforma.

O banco começou a usar o whatsapp como canal de atendimento em 2017, apenas para consultas. Em 2018, o uso da inteligência artificial foi ampliado para a realização de transações financeiras.

Embasa disponibiliza Whatsapp para atendimento virtual em Vitória da Conquista

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral, Vit. da Conquista | Data: 23 abr 2020

Tags:,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é Resenha_Vermelho_600x65.gif

Além dos canais de atendimento disponibilizados pela Embasa como a Agência Virtual (Aplicativo e Site) e o Teleatendimento Gratuito 0800 0555 195, a partir desta quinta (23) a população de Vitória da Conquista poderá solicitar serviços pela ferramenta Whastapp. A medida perdurará enquanto as Lojas de Atendimento do SAC (Centro) e Espaço Glauber Rocha (Bairro Brasil) estiverem fechadas durante a pandemia do Coronavirus.

Por meio do aplicativo Whastapp os usuários poderão solicitar diversos serviços como ligação de água e esgoto, religação, consulta de débito, análise de consumo, 2ª via de conta, além de negociação, parcelamento de dívidas. A população também poderá solicitar serviços emergenciais como correção de vazamento na rede distribuidora de água e desobstrução na rede coletora de esgoto. O atendimento estará disponível das 8h às 17h de segunda a sexta, sem intervalo para almoço. 

O número é (71) 99613-2858. 

WhatsApp limita envio de mensagens para combater onda de fake news sobre coronavírus

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 08 abr 2020

Tags:, ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_e2_piscina-3.gif

Fonte:

Após evidenciar uma série de notícias falsas serem espalhadas, o Whatsapp começou a controlar nesta terça-feira (07), o encaminhamento de mensagens relacionadas ao coronavírus. A ação tem o objetivo de inibir as Fakes News.

Segundo a empresa, “observamos um aumento significativo na quantidade de encaminhamentos. De acordo com nossos usuários, eles podem fazer com que eles se sintam sob pressão, além de contribuir para a disseminação de informações erradas. Acreditamos que é importante diminuir a propagação dessas mensagens para manter o WhatsApp um lugar para conversas pessoais”, ressaltou, em nota.

A plataforma disponibilizou novidades após a mudança, entre elas a indicação de uma alternativa para as mensagens que são reenviadas com frequência. Qualquer conteúdo que seja enviado mais cinco vezes fará parte dessa medida. A limitação vale tanto para conteúdos verdadeiros, como para falsos.

Coordenação de Transporte Público informa número de Whatsapp para atendimento

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral, transporte, Vit. da Conquista | Data: 27 mar 2020

Tags:, , ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_e2_piscina-3.gif

Secom/PMVC

A Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana, esta disponibilizando o número (77) 99916-7365 para atendimento online do cidadão, por meio do aplicativo Whatsapp, referente às questões do transporte público municipal.

A medida, a exemplo do que ocorreu em outros órgãos municipais, visa evitar aglomerações nos setores da Secretaria e proporcionar maior comodidade ao cidadão que precisar do serviço durante esse período.

Por meio do contato telefônico, por exemplo, o cidadão poderá receber informações sobre horários de ônibus e registrar pedidos de fiscalização acerca do transporte coletivo. O atendimento funcionará em horário comercial (das 8h às 12h e das 14h às 18h), de segunda a sexta-feira.

Desde esta semana, os ônibus que atuam no sistema de transporte coletivo urbano operam com tabela de horário de domingo, sendo que, nos horários de pico, as empresas disponibilizam veículos extras. Além disso, ainda como medida de prevenção ao coronavírus, os veículos e o Terminal da Avenida Lauro de Freitas estão sendo higienizados diariamente.

Banido no WhatsApp, brasileiro será indenizado em até R$ 11 mil

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil | Data: 10 mar 2020

Tags:, ,

Editar imagem

Fonte:Correio

Banido do WhatsApp em três contas diferentes, um radialista brasileiro será ressarcido e receberá uma indenização de R$ 6 mil após ter sido banido da plataforma em três contas diferentes. A decisão foi do Juizado Especial de São Miguel dos Campos (AL), que condenou o Facebook Brasil, responsável pelo aplicativo, por danos morais e compensação pela perda das conversas e arquivos do app.

Mas o valor a ser recebido pelo radialista pode ser ainda maior. Isso porque o Facebook também terá que restaurar todo o conteúdo que foi deletado; caso a restauração não seja realizada, a empresa também terá que desembolsar outros R$ 5 mil.

De acordo com as informações, as contas do radialista, banidas pelo app, eram utilizadas para manter contato com clientes, amigos e familiares. No ato do banimento, o WhatsApp não forneceu uma justificativa prévia para a exclusão das contas.

Após o caso parar na justiça, o Facebook explicou que o radialista utilizava o app para trabalho, o que configuraria o “uso não pessoal”. Os termos de serviço do WhatsApp explicam que é proibido o uso dos serviços fora do âmbito pessoal, a menos que seja autorizado pelo próprio mensageiro. Com informações do site Correio24hs .

Quase 200 mil brasileiros tiveram o WhatsApp clonado só em janeiro deste ano

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Geral | Data: 19 fev 2020

Tags:,

Editar imagem

Fonte:

O ano mal começou e cerca de 200 mil brasileiros tiveram o WhatsApp clonado. É o que revela as informações do dfndr lab – laboratório especializado em segurança digital da PSafe.

Segundo o levantamento, realizado pela instituição, São Paulo segue liderando a lista de estados mais afetados, com 41,2 mil vítimas no primeiro mês de 2020.

Conforme revelado, o golpe do WhatsApp clonado também passou a ser direcionada à pessoas famosas, como atores, youtubers e influenciadores, no chamado “golpe da festa”.

WhatsApp volta ao normal após instabilidade no envio de fotos, vídeos e áudios

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Geral | Data: 20 jan 2020

Tags:,

Editar imagem

Fonte:G1

Usuários do WhatsApp usaram as redes sociais para relatar problemas no funcionamento da plataforma neste domingo (19). Entre as principais reclamações citadas por internautas eram as falhas no envio de mídias como áudios e figurinhas.

A instabilidade foi notada em vários países da Europa (como Alemanha, França e Reino Unido) e também em países como Índia e Malásia. Na América do Sul, além do Brasil, usuários na Argentina também notaram problemas com o WhatsApp.

A plataforma não se manifestou sobre o que poderia ter causado a instabilidade. A plataforma já esta funcionando normalmente no Brasil.

.

Eleitores já podem agendar atendimento para Biometria via whatsapp

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Política | Data: 11 out 2019

Tags:, , , ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner_oeste_park.gif

Fonte:TRE-BA

Foi lançado nesta semana pelo presidente do TRE-BA, desembargador Jatahy Júnior, um novo serviço de agendamento via whatsapp para o recadastramento biométrico. A novidade foi divulgada durante a inauguração de posto do TRE no Ponto SAC, em Luís Eduardo Magalhães.

O agendamento por meio do aplicativo de mensagens é válido para todo o estado e ocorrerá pelo número 71-3373-7223. Ao adicionar na lista de contatos do celular, o eleitor deverá ter a opção de iniciar conversa via whatsapp. Na sequência, será necessário informar os seguintes dados: número do título de eleitor; e-mail; município para atendimento, ou seja, município onde quer votar; dia da semana de sua preferência (segunda, terça, quarta, quinta ou sexta) e o turno de sua preferência (manhã ou tarde). Não será possível a escolha do horário de atendimento, apenas do dia e turno.

Na conclusão do agendamento o eleitor receberá uma mensagem de confirmação sobre o horário agendado, considerando o primeiro disponível para o dia e turno apontados. É importante que o solicitante leia com atenção todas as informações do comprovante de agendamento. Na avaliação do presidente Jatahy, esta é mais uma ferramenta que possibilitará a comodidade do cidadão. “É mais uma inovação que a Justiça Eleitoral coloca à disposição do eleitor”. 

Além do whatsapp, os serviços da Justiça Eleitoral podem ser agendados pelo site (agendamento.tre-ba.jus.br) e pelo telefone (0800 071 6505). O eleitor também pode optar pelo atendimento espontâneo, comparecendo diretamente ao cartório ou posto da Justiça Eleitoral, considerando o horário de funcionamento. 

Acesse o whastapp para agendamento


Em cada dez internautas, dois realizaram alguma compra pelo WhatsApp, aponta pesquisa

0

Publicado por Editor | Colocado em Economia, Geral | Data: 27 ago 2019

Tags:,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é PEL-1.gif

Aplicativo com maior número de usuários no país, o WhatsApp extrapola a comunicação pessoal e em grupo. Dados do levantamento revelam que em cada dez consumidores entrevistados, dois (18%) realizaram alguma compra pelo aplicativo nos 12 meses anteriores à pesquisa. Por outro lado, 82% não fizeram nenhuma compra neste período. Entre os motivos pelos quais utilizaram o WhatsApp para consumo, 40% afirmaram que o processo é mais fácil e rápido se comparado com as transações feitas pessoalmente ou por telefone. Já 35% gostam da facilidade em acessar o histórico das informações armazenadas e 26% mencionam a possibilidade de receber imagem e vídeos dos produtos e serviços.

Ainda considerando os que usaram o aplicativo para compras, 54% destacaram o retorno rápido na maioria das vezes em que se comunicaram com a loja ou o prestador de serviços. Apesar disso, enquanto 20% não obtiveram nenhum tipo de resposta, outros 20% garantem que na maioria das vezes o retorno foi demorado e apenas 6% ficaram sem nenhum retorno por diversos momentos.

No geral, 78% dos consumidores ouvidos acreditam que o WhatsApp é uma boa forma de as empresas se comunicarem com clientes, principalmente para tirar dúvidas ou receber suporte técnico (58%), agendar horários de atendimento (35%), enviar promoções (31%) e comprar produtos ou serviços (20%).

Dentre os consumidores que não fizeram uso do WhatsApp para comprar ou trocar informações com lojas e vendedores, a principal justificativa mencionada é o fato de sempre terem conseguido resolver o que precisava no site ou aplicativo da empresa (41%). Já 32% afirmam não gostar de ser incomodados por empresas, já que a ferramenta é adotada apensa para uso pessoal, e 24% não confiam no WhatsApp por terem medo de sofrer golpes.

Ministério alerta para golpe via WhatsApp sobre 13° do Bolsa Família

0

Publicado por Editor | Colocado em Bahia, Brasil, Geral | Data: 15 jul 2019

Tags:, ,

Um novo golpe, esta sendo aplicado por meio de mensagens no aplicativo WhatsApp, e promete a liberação instantânea do décimo terceiro salário do Bolsa Família para beneficiários do programa. A mensagem fraudulenta contém um link que redireciona o usuário para uma página onde são solicitados os dados pessoais, como nome completo, CPF e endereço. A mensagem exige ainda que a vítima compartilhe o link com todos os seus contatos para que o pagamento seja efetuado.

O Ministério da Cidadania informou que não solicita dados pessoais via WhatsApp ou o compartilhamento de links como condição para concessão de benefícios do Programa Bolsa Família. De acordo com a diretora do Departamento de Benefícios, Caroline Paranayba, para o recebimento do repasse não é necessário fornecer qualquer informação adicional das famílias.

O ministério esclarece ainda que o governo federal não faz nenhum tipo de coleta de dados por meio das redes sociais e que a atualização de informações de famílias beneficiarias de programas sociais deve ser feita exclusivamente no órgão responsável no município.

Facebook, WhatsApp e Instagram enfrentam instabilidade

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Geral | Data: 03 jul 2019

Tags:, , ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é PEL-1.gif

As redes sociais do Whatsapp, Facebook e Instagram apresentaram problemas de funcionamento, nesta quarta-feira(03),. De acordo com informações, os principais problemas encontrados pelos usuários estão o envio de mídias, como fotos, vídeos, áudios e figurinhas (no caso do WhatsApp).

Segundo relatos de usuários no Twitter, o app parou de funcionar por volta de 10h40 de hoje. O site DownDetector, que monitora o funcionamento de serviços online, mostra que o problema atinge principalmente o Brasil, Argentina, Alemanha e outros países da Europa.

A empresa responsável pelas plataformas postou uma mensagem para os usuarios. “Sentimos muito pelo problema e estamos trabalhando para que tudo volte ao normal o mais rápido possível”. E marcou a hashtag #facebookdown , que está sendo compartilhada pelos usuários que relatam falhas. Esta e as hashtags #instagramdown e #whatsappdown estavam entre os trending topics mundiais do Twitter no começo desta tarde.

Nova regra de privacidade é criada pelo WhatsApp para a entrada em grupos

0

Publicado por Editor | Colocado em Geral | Data: 04 abr 2019

Tags:, ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é PEL-1.gif

Da Redação

O WhatsApp anunciou novas regras de privacidade nesta semana. Agora para que o usuário possa ser adicionado em grupos, novos ou já existentes, ele deverá autorizar.  As mudanças começam a valer a partir desta quarta-feira (3) em atualizações para Android e iOS. 

De acordo com o aplicativo, as novas configurações possibilitam ao usuário escolher qual tipo de contato pode ou não adicioná-lo aos grupos. Com isso, o aplicativo afirma que os usuários terão mais controle das mensagens em grupo que irão receber.

Facebook, Instagram e Whatsapp apresentam instabilidade

0

Publicado por Editor | Colocado em Brasil, Geral | Data: 13 mar 2019

Tags:, , ,

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é banner-candeias-premium.gif

Da Redação

Quem tentou entrar nas redes sociais do Facebook e Instagram na tarde desta quarta-feira (13), encontrou dificuldades. As plataformas estão apresentando instabilidade no Brasil e outros países . Também há relatos dificuldades de uso do Whatsapp.

A empresa, dona dos apps afirmou que está ciente dos problemas e trabalha para solucioná-los. Mais cedo, a empresa admitiu que a “instabilidade temporária” ocorria em toda a família de aplicativos do Facebook.

Até o momento o motivo da instabilidade das redes sociais não foi retada pela empresa.